Estruturas cantilever: facilidade de operação

As estruturas cantilever são bastante flexíveis e descomplicadas. Apresentam-se como um sistema que pode ser facilmente operado, sem necessidade de equipamentos especiais.

As conexões da estrutura são instaladas através de encaixe, de parafusos ou buchas metálicas. Ou seja, não há necessidade de aplicação de solda.

Basicamente, as estruturas cantilever são formadas por:

Bases, que são fixadas nas colunas para garantir maior estabilidade para a estrutura. As bases agem como distribuidoras do peso dos itens. Isto reduz sua pressão e ajuda na prevenção de desníveis do piso ou danos aos itens. As bases podem ser simples, possibilitando acesso por um dos lados, ou duplas, acessando pelos dois lados;

Consolas, que são presas na base, conferindo maior sustentação e estabilidade para a estrutura, servindo também de apoio para os braços. Essas consolas também são conhecidas como coluna central;

Vigas, também denominadas braços, que são componentes de aço acoplados às consolas, sendo utilizadas para o armazenamento dos itens. As vigas podem ser reguladas de forma vertical, atendendo as necessidades de armazenamento;

Detentores ou limitadores, peças opcionais que podem ser conectadas aos braços na parte frontal. Eles evitam qualquer risco de acidente pelo deslizamento das peças.

Além disso, como se trata de um sistema autoportante, as estruturas cantilever não precisam obrigatoriamente ser apoiadas nas paredes ou em pilares.


Voltar